LOGO
Todo mundo tem seu tempo relógios Full view

Todo mundo tem seu tempo

Por Íka Eloah.

Quando eu era ˜só um viadinho˜, eu já falava q eu era trans e q era NB (não binária), eu reivindicava meu gênero e meus pronomes femininos onde fosse, pra quem fosse.
Conheço várias manas q naquela época tb eram ˜só um viadinho˜, todas sofrendo transfobia de outras pessoas trans, além da própria sociedade. Ouvindo “desculpe, mas isso não é ser trans, ser trans é…”.

Eu me sentia mt mal, voltava pra casa e, ao invés de continuar um processo saudável de auto conhecimento, repudiava oq eu era na medida q não era reconhecida, ficava cada vez mais confusa sofrendo me sentindo deslocada, me desassociando do mundo.

No meio de toda essa viadagem, eu fui descobrindo q eu podia star enganada (nossa…uau) e a ideia de não ser uma pessoa NB virou constante e eu lembro de ouvir manas, de ler coisas, de pesquisar coisas, tudo isso pra entender que hj eu sou uma travesti e uma mulher.

O q acontece é q esse processo é mt individual, mesmo sendo coletivo tb e na nossa individualidade o tempo é completamente relativo, Laerte se assumiu dps dos 60 e antes disso era só um viadinho? E se fosse, qual o problema disso? Somos trans desde q nascemos ou não? …

>>>Todo mundo tem seu tempo<<<

é por isso q me sinto indignada em ver qualquer pessoa trans hj apontando, naturalmente, qm é trans e qm não é passando por cima da autonomia de qm for, usando atribuições q foram criadas pra determinar qm tem capacidade de falar o próprio gênero e qm non tem e em nome de q luta? Q luta é essa q temos q enfrentar q perpassa um esclarecimento de gênero alheio?

E eu sei mt bem q há diferenças, pois são categorias e nós nos apropriamos delas, mas é mt ingênuo pra mim eu me achar tão plena a ponto de ser eu qm vai declarar gênero aki de todo mundo e ai de qm reclamar…

o q é ser trans??? a gnt se pergunta isso até hj, a gnt se confunde nesse assunto até hj, a gnt tem estudado tudo isso até hj, então não vamos distorcer nossas realidades e nossas relações com esse mundo q mal conhecemos mas ja odiamos pakas, a vdd é q qualquer uma aki pode ter sua carteirinha de travesti negada e como proceder? Tem necessidade disso?

Pra mim a gnt já pode parar, só isso.

Written by Beatriz

Related Articles